Dicas

Assessoria jurídica para formatura: qual a importância para sua turma?

Escrito por: Marina Holanda

Após anos e anos de estudos, o sonho de todos os formandos é ter um baile de formatura perfeito e que tudo saia conforme o planejado ao longo do curso. A questão é que há muitos elementos que cercam este evento e, por conta disso, contar com uma assessoria jurídica para formatura é uma alternativa interessante. 

A principal preocupação é a questão financeira. De repente, jovens que estão iniciando suas trajetórias profissionais precisam planejar arrecadações e administrar altas quantias para financiar sua própria festa. São várias negociações e contratos que precisam ser assinados. 

É aqui que a comissão de formatura exerce um papel fundamental. Além de centralizar as decisões e delegar funções específicas entre seus membros, este grupo tem a missão de escolher como, onde e quando arrecadar os valores necessários. Qualquer passo em falso nessa etapa pode comprometer a organização. 

Contar com um apoio nesses momentos, portanto, revela-se importante para evitar problemas futuros. Isso faz com que muitas turmas busquem assessoria jurídica para formatura ao longo dos quatro ou cinco anos de graduação. A meta é garantir que todas as negociações sejam conduzidas da melhor forma possível. 

Quando o assunto é formatura, não há espaço para trabalhos individuais. Toda ajuda é bem-vinda, principalmente se garantir que a festa atenda todos os desejos dos formandos. Contar com um apoio nas negociações com fornecedores e no processo de arrecadação certamente é uma segurança a mais para a turma. 

+ SAIBA TUDO SOBRE A COMISSÃO DE FORMATURA! CLIQUE AQUI

O que é assessoria jurídica para formatura? 



Os desafios que a comissão de formatura lida no dia a dia da organização da festa são semelhantes aos enfrentados pelas empresas, como planejamento financeiro, relacionamento, negociação, etc. Dessa forma, é natural que funções normalmente encontradas no ambiente corporativo possam auxiliar os formandos. 

Uma assessoria jurídica para formatura nada mais é do que um serviço prestado por um advogado (ou seu escritório) para turmas que desejam ter uma segurança jurídica a mais em suas negociações com todos os fornecedores. É a melhor forma de evitar as brechas que alguns contratos costumam ter – e que rendem uma grande dor de cabeça. 

Esse profissional vai atuar basicamente como um consultor para reduzir potenciais riscos e ampliar a segurança em todos os acordos. É um serviço preventivo, garantindo que tudo o que foi acordado entre a turma e as empresas possa ser cumprido no dia da festa. 

Por que é importante?



Hoje, é comum que as turmas realizem uma arrecadação independente, isto é, sem o intermédio de uma empresa de cerimonial. É uma medida interessante, uma vez que os formandos conseguem ter liberdade e um controle financeiro maior de sua própria festa, mas é preciso ficar atento, pois a responsabilidade da comissão aumenta. 

Infelizmente, algumas empresas aproveitam da boa-fé e até da falta de conhecimento que os formandos podem ter em negociações para tirar vantagens indevidas. Uma assessoria jurídica para formatura certamente faria esses profissionais pensarem duas vezes antes de tentar passar a perna no contrato de prestação de serviço. 6

É preciso ressaltar que contar com um assessor jurídico não é essencial – ou seja, a comissão pode organizar a formatura sem ele. Mas a segurança que ele traz em todas as decisões pode dar mais tranquilidade, até para as turmas que decidem arrecadar com o apoio de uma empresa de cerimonial. 

Onde uma assessoria jurídica para formatura pode ajudar? 



Sendo um consultor especializado, o advogado pode atuar de forma próxima à comissão, identificando pontos que podem ser melhorados na organização da festa. Ele entraria com uma visão de fora, oferecendo outros detalhes que a turma não identificou – ou ignorou – em suas decisões. 

Uma boa assessoria jurídica para formatura, por exemplo, trabalha diretamente na negociação com todos os fornecedores elencados pela comissão. É ela que irá validar todos os contratos, garantindo uma relação justa entre a empresa e os formandos, mas também dará apoio caso surja algum problema na prestação desse serviço. 

Além disso, o advogado pode criar ou validar o estatuto da comissão, um documento imprescindível para deixar claro as funções de cada membro e os objetivos do trabalho. Ou até para criar ou validar o contrato entre a comissão e os próprios formandos que aderirem à festa e a comissão e empresa de cerimonial, se for o caso. 

+ QUER MAIS DICAS E INFORMAÇÕES SOBRE FORMATURAS? ACESSE NOSSO INSTAGRAM E YOUTUBE!

Tecnologia também é aliada 



Contar com uma assessoria jurídica para formatura pode fazer a diferença na organização e garantir a festa perfeita para a turma. É importante que os formandos busquem o apoio de profissionais e da tecnologia para conseguir tomar as melhores decisões. Ninguém quer que o baile dê errado, não é mesmo? 

Nós, da Sua Formatura, oferecemos uma plataforma completa que gerencia diversos aspectos relacionados à festa, desde a arrecadação e controle financeiro até a organização dos fornecedores, além de auxiliar em estratégias de engajamento entre a turma. Dessa forma, a comissão ganha mais tempo para focar no planejamento da festa!

O que achou do texto? Já pensou em contar com os serviços de um advogado como consultor? Conte para a gente suas dúvidas e aproveite para baixar nosso modelo de estatuto da comissão!

Modelo de estatuto da comissão

Marina Holanda
Marina Holanda

Relações Públicas, especialista em Comunicação Digital, produtora de conteúdo e amante de podcast.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *